Make your own free website on Tripod.com

Pais Brilhantes Professores Fascinantes

Home
Os sete hábitos dos pais brilhantes
Os sete hábitos dos professores fascinantes
Os sete pecados capitais dos educadores
As dez técnicas pedagógicas que podem revolucionar a sala de aula e a casa
q

Os sete hábitos dos professores fascinantes

A relação professor/aluno.


Com estas palavras Khalil Gibran define a postura mais adequada do professor para com seus alunos. Estarão as escolas do ocidente e de hoje preparadas para a formação moral e ética de nossos filhos? Será que as escolas dão a devida atenção para desenvolver nas crianças as potencialidades interiores que possuem latentes em seu interior? Parece-me que estão mais preocupadas com a preparação de profissionais habilitados para o mercado de trabalho cada vez mais competitivo e incerto. É necessária uma consciência maior dos professores e escolas, no sentido de estarem preparando o novo homem do milênio que inicia. Este homem deverá estar desatrelado de saberes dependentes de par. Cada vez mais capaz de realizar seus sonhos, ser mais feliz e em harmonia com os demais seres com os quais convive.

Todo ser humano, independente de possíveis imperfeições físicas, emocionais e mentais, possui dentro de si uma energia, capaz de mobilizar forças inimagináveis que o auxiliama superar os obstáculos na vida. Descobrir e desenvolver esta força não são tarefas fáceis no adulto. Para a criança, na fase dos 3 a 6 anos, quando esta se iniciando a formação do caráter, fica muito mais fácil mostrar que este poder existe e que ela pode fazer uso dele sempre que for necessário.

É a facilidade de acesso a este poder que determinados seres humanos têm e que outros não tiveram a chance de desenvolver que nos faz diferentes. Estamos acostumados a receber saberes dependentes de par, pois nossos pais e professores nos ensinaram as leis que regem o mundo segundo sua ótica esquecendo-se de que cada ser humano pode ter uma visão diferente sobre os mesmos assuntos. Todos os sistemas sociais, políticos e econômicos estão fundamentados em experiências de alguém. Ter a capacidade de observar, saber ouvir, analisar cada acontecimento sob sua própria ótica e chegar a conclusões que outros ainda não tiveram são poucos os que estão preparados. Ainda que assim estejam preparados, precisam saber falar, diversificar as formas de expressão, argumentar sem competir e desafiar a si mesmos, buscando fazer cada vez melhor, ao invés de competir com os outros. Que escolas estão conscientes deste papel para o ser humano?

O processo de ensino rosacruz está fundamentado numa tradição que valoriza os potenciais do ser humano e busca capacita-lo a desenvolver estas potencialidades. O método busca dar ao ser humano o poder da investigação pessoal, livre de dogmas e preconceitos que lhe permita descobrir as leis naturais da vida e com elas se harmonizar, obtendo uma vida mais plena e em paz. Como está a séculos formando o ser humano, a AMORC formou a Escola Rosacruz Integrada – ERCI, aberta a toda a comunidade de Curitiba. Uma escola infantil para crianças de 2 a 6 anos que tem como principal mote:

“... apresentar à criança as leis do universo reveladas nas obras da natureza em suas formas mais simples, embasar o caminho rumo a uma compreensão da verdade existente em todas as coisas, através do amor, da harmonia, da justiça, da caridade, e da Lei e da ordem”.
H. Spencer Lewis


Esta unidade escolar está situada no bairro do Bacacheri em Curitiba no Paraná, anexa aos prédios do parque Rosacruz e disponibiliza às crianças o Museu Egípcio e Rosacruz, Biblioteca e Fitoteca, Espaço de Artes, e ambiente de contato da criança com a natureza integrando conhecimento, lazer e forma de aprender brincando no processo holístico de ensino de pedagogia.

Baseado no livro de Augusto Cury e no site SHVOONG.

Os sete hábitos

O autor destaca os sete hábitos dos professores fascinantes que seriam eles: 

1º Bons professores são eloqüentes, professores fascinantes conhecem o funcionamento da mente;
2º Bons professores possuem metodologia, professores fascinantes possuem sensibilidade;
3º Bons professores educam a inteligência lógica, professores fascinantes educam a emoção;
4º Bons professores usam a memória como depósito de informações, professores fascinantes usam-na como suporte da arte de pensar;
5º Bons professores são mestres temporários, professores fascinantes são mestres inesquecíveis;
6º Bons professores corrigem comportamentos, professores fascinantes  resolvem conflitos em sala de aula.
7º Bons professores educam para uma profissão, professores fascinantes educam para a vida.

corte_pedagogia.jpg